Sardinha

Esse é simplesmente um dos peixes mais conhecidos e consumidos do mundo, no Brasil a Sardinha chega a dominar 90% do mercado em alguns estados.

Um dos peixes mais consumidos do mundo

É a maior pescaria do país.

Nos acostumamos a encontrar as sardinhas em lata nos supermercados, porém estas podem ser de diferentes tipos e as em lata contam com outras espécies, como o arenque, por exemplo.

Ativa e cheio de tradição, é hora de conhecer esta que é uma das pescarias mais antigas que se tem notícia.

Origem do Seu Nome

Seu nome vem de uma ilha

O nome ‘sardinha” começou a ser usado há muito tempo, lá para no início do século XV, e veio da ilha de Sardenha, no Mediterrâneo, onde este peixe era abundante na época.

Ao contrário de muitos peixes que apresentamos aqui, o nome científico da sardinha não é tão complicado.
É Sardinops
sagax, da classe dos Actinopterygii, da ordem dos Clupeiformes, da família dos Clupeidae.

Descubra Tudo Sobre o Xaréu, Um Prêmio Para Vários Pescadores!

Principais Características

Seu tamanho médio é de 10 a 25 cm

Peixe de água salgada, em sua maioria possui o tamanho de 10 a 25 cm de comprimento, de cor prateada em tons azulados.

Sua barbatana caudal é bifurcada(dividida em dois)

Têm somente uma barbatana nas costas e não tem espinhas nas barbatanas anal e caudal, sendo que esta última é bifurcada.

Não possui dentes e seu maxilar é curto, escamas são em forma de escudo.

Seu maxilar é curto

Onde Podemos Encontrá-la

É encontrada pelo mundo todo, mas essencialmente no Atlântico Nordeste e Mar Mediterrâneo onde habita regiões costeiras entre 25 e 100 metros de profundidade

Também encontramos na África Austral,  Austrália, Chile, Califórnia e Japão.
Veja na mapa abaixo sua localização, quanto mais forte o vermelho maior é sua concentração e o contrário para quanto mais fraco o amarelo.

Mapa da Localização da sardinha, por Fishbase

Hábitos da Sardinha

São pelágicos(vivem nas águas rasas) e costumam formar grandes cardumes com uma formação mais compacta até para que possam se defender de peixes maiores como o tubarão, golfinhos e baleias.

Os cardumes densos são uma tática de defesa das sardinhas quando surpreendidas pelos predadores

Além do homem, os maiores predadores de sardinha são as aves marinhas e outros peixes.

Aves marinhas são predadoras de sardinhas também

A média de vida da sardinha é de 7 anos.

Sua Alimentação

Se alimentam de plâncton, fitoplâncton, algas e pequenos crustáceos

Se alimentam principalmente de plâncton, quando mais jovens alimentam-se apenas de fitoplâncton e quando adulta, costuma se alimentar também de algas e pequenos crustáceos.

Reprodução e Acasalamento

Ovos de sardinha fecundados vistos no microscópio

Na época de reprodução, que acontece duas vezes ao ano(de Novembro até Fevereiro e de Junho à Julho), costumam ficar mais dispersas do cardume.

As fêmeas chegam a pôr uma média de 60.000 ovos a cada ciclo reprodutivo.

Desovam mais perto da costa, onde a temperatura da água é um pouco mais alta e logo em seguida retornam para o cardume em alto mar.

Vamos à Pesca!

Dá para fazer pesca esportiva com sardinha

A pesca da Sardinha mais comum é feita através do cerco com redes e tarrafas, porém pode ser pescada de maneira esportiva também.

O equipamento indicado é de resistência leve até média.

A linha pode ser a de monofilamento 0,23 mm.

Linhas de monofilamento 0,23 mm são indicadas

Anzol maruseigo entre o número 12 até o 16.

Anzol pode ser os de tamanho 12 até o 16, à sua escolha

Chumbo pirâmide entre 25 e 40 gramas.

O chumbo pirâmide pode ser os de peso 25 até 40 gramas

Girador número 3.

Girador número 3

As iscas naturais podem ter pedacinhos de camarão, marisco(mexilhão), minhoca de praia(poliqueta), manjuba,etc.

As minhocas de praia (poliqueta) são perfeitas para a isca

 

Isca com mexilhão

As iscas artificiais podem ser as Jig Head, Soft Had, Camarão de Silicone, Jumping Jig.

Jig Head

 

Jumping Jig

 

Isca artificial de camarão(silicone)

Propriedades Nutricionais

É um peixe bem saudável

É um dos peixes mais ricos, nutricionalmente falando.

125 gramas de sardinha( maios ou menos 4 sardinhas) podem oferecer 182 calorias, 10,39 gramas de gordura, 0 Carboidrato e 20,65 gramas de proteína.

Fora que ela é uma ótima fonte de cálcio,, fósforo, selênio, vitamina D e B12 e o famoso ômega-3.

Muita saúde para um peixe só.

Sardinha na Culinária

Um peixe riquíssimo em opções de preparo, a sardinha é acessível por ter um preço pequeno e também oferece várias possibilidades de uso como frita, assada, empanada, em patês, tortas, cuzcuz,etc.

Uma boa sugestão e bastante prática, é esta deliciosa Sardinha Frita Inteira :

Sardinha Frita Inteira

O tradicional escabeche feito com legumes é outra dica bem saborosa. Confira este Escabeche de Sardinha Fresca :

Escabeche de Sardinha Fresca

E para quem adora um empanado, fica a dica com gostinho de comida de avó: Sardinha Frita Com Fubá :

Sardinha Frita com Fubá
Sardinha Frita com Fubá

Curiosidades

  • Devido à pesca excessiva comercial, em alguns países já existem políticas de proibição de pesca em períodos além dos períodos de defeso. Algumas localidades portuguesas, por exemplo, proíbem a pesca de sardinha aos fins de semana no ano todo e a pesca só é liberada quando laudos técnicos comprovarem que houve aumento da população do peixe;
As leis ambientais para pesca de sardinha tendem a ficar cada vez mais rígidas a fim de evitar a extinção da espécie
  • Os Estados brasileiros com maior índice de pesca de sardinha são Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo;
  • No ano de 2017 a Sardinha foi quase extinta devido a pesca exploratória no mar Ibérico. Estudiosos avaliaram que seria precisa parar a pesca totalmente por 15 anos até que a população destes peixes voltassem a índices aceitáveis de exploração;
  • Uma das maiores indústrias de sardinha em lata, a Gomes da Costa, transferiu suas fábricas do Rio de Janeiro para Santa Catarina devido a diminuição acentuada de sardinhas nos mares cariocas decorrente do aumento de poluição na área;
  • Riquíssima em Ômega 3, a sardinha não perde seus benefícios nutricionais depois de enlatada;

  • A Sardinha é mais nutritiva e saudável do que o Salmão;
  • Acompanhe aqui o momento em que uma gigantesca baleia engole metade de um grande cardume de sardinhas.
Grande cardume de sardinha visto do alto
Grande cardume de sardinha visto do alto

Agora que conhecemos a sardinha além da lata, que é bem mais interessante, convenhamos; já podemos arrumar as coisas e curtir esta pesca tão nobre e com resultados tão gostosos. 

E aí? Se animou?

Deixe seu voto 😉
[Total: 0    Média: 0/5]
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •