Tilápia

Ela é um dos peixes mais conhecidos do Brasil, vamos conhecer mais sobre a tilápia, esse peixe lindíssimo que é o segundo mais consumido no mundo:

As Espécies da Tilápia

A Tilápia tem o nome científico de Tilapia rendali, Oreochromis niloticus. É da família Cichlidae e é natural da África, onde seu nome é Cacusso.

Quase todo o Brasuk conhece a tilápia

Ela já habita quase todo o Brasil. É um peixe de água doce e hoje é um dos principais criado em cativeiro. Tem mais de 100 espécies e a maioria é onívora(come de tudo). Pode chegar a 3Kg e medir até 50 cm.

Existem registros históricos já eram cultivados pelos egípcios 4.000 anos A.C. .

Tilápia no Brasil

Tilápia Rendalli

Veja abaixo uma breve linha do tempo resume a história da tilápia no Brasil:

  • 1952: É o ano do primeiro registro de introdução da tilápia no Brasil. De origem congolesa, ela foi adquirida por uma companhia de energia em São Paulo, mas não demostrou ser interessante criar.
Tilápia de Nilo ou Nilótica
  • 1971: O governo compra e coloca tilápias do Nilo e as de Zanzibar em reservatórios de água públicos na Região Nordeste, mas a produtividade ainda está longe de ser alta.
Tilápia Zanzibar
  • 1981: Desembarcam no Brasil as tilápias vermelhas, a Saint Peter de Israel, sua pele é resultado de uma mutação genética. O peixe tem dificuldade para se desenvolver por aqui mas chama a atenção do consumidor pela sua cor.
Tilápia Saint Peter
  • 1996: Chega no país uma linhagem de tilápia do Nilo que foram selecionadas do japão e depois melhorada na Tailândia. Com a tecnologia, esta e outras variedades obtêm sucesso em larga escala.
Tilápia Tailandês, conhecida também como chitralada
  • 2015: O país vive um salto de produção, chegando neste ano a mais de 219 mil toneladas do peixe, de acordo com cálculos do IBGE.

As Principiais Características da Tilápia

Esta pode atingir 45 cm de comprimento e até 2,5 Kg de peso.

É um peixe de escamas, tem o corpo levemente mais alto e é achatado.

Tem uma cor esverdeada e prateada, com algumas manchas no sentido vertical negras.

Sua nadadeira segue este tom verde oliva além de uma linha vermelha e branca passando pelo cinza escuro.

As espécies de Tilápia têm características muito semelhantes. Podemos apontar estas como as mais comuns entre elas:

Tilápia do Nilo
  • O seu Ciclo de vida é: Ovo, embrião, larva, alevino, juvenil e adulto;
  • Vivem em média 10 anos;
  • Os machos são maiores do que as fêmeas;
  • Na natureza sua alimentação é de plantas, algas, insetos, crustáceos, sementes, frutos e raízes. Quando criados em cativeiro alimentam-se de ração conforme o estágio de vida;
Alimentando Tilápias com ração
  • Têm de 6 a 8 desovas ao ano, com uma média de 800 à 2000 ovos;
  • A “colheita” ou despesca comercial é feita quando o peixe atinge de 500 a 800 g depois de pelo menos 6 meses de cultivo dependendo da espécie.
  • O mercado norte-americano realiza maciça importação de tilápias e, mesmo assim, não atende sua demanda.
A demanda do EUA não é atendida
Foto: CONtexto ganadero
  • Os meses frios (maio a julho) são desaconselháveis para a reprodução.
  • As tilápias estão hoje entre os peixes mais indicados para criações, sendo que está entre as espécies mais cultivadas no mundo.

Os Hábitos da Tilápia

As tilápias sabem aproveitar as oportunidades porque têm uma capacidade de se adaptar em ambientes muito diferentes, como rios, lagos, lagoas, represas, açudes e reservatórios.

Elas sobrevivem a vários tipos de territórios

Também conseguem suportar as variações de temperatura assim como águas com baixos níveis de oxigênio.

As tilápias que vivem em lagos grandes tem uma evolução mais lenta e um peso maior.

O seu desenvolvimento pode variar de acordo com o local

Sua alimentação varia de acordo com a espécie: podem ser onívoras(aquelas que comem de tudo), herbívoras(só comem vegetais) ou ainda fitoplanttógas(se alimentam de algas).

Sendo assim, podemos dizer que se alimenta de microcrustáceos, insetos, plânton, sementes, frutos, e pequenos peixes.

Reprodução da Tilápia

A Tilápia tem um alto índice de reprodução. Elas o fazem até 6 vezes ao ano.

Têm a capacidade reprodutiva já formada à partir dos 6 meses até os 12 meses onde atingem o ápice da reprodução.

A tilápia se reproduz até 6x no ano

Isso tudo pode variar de acordo com a espécie e os fatores ambientais.

Elas preparam seu ninho em uma área limpa na superfície, em águas mais rasas onde tem bastante oxigênio.

Suas desovas acontecem de maneira continuada, em partes e a temperatura da água ideal é de 24° C. Já para os alevinos de tilápia, a temperatura ideal seria entre 28° e 32°C .

O frio não é bom para criação

Na maioria das espécies o macho faz o ninho, enquanto a fêmea faz a oviposição, incubação dos ovos e desenvolvimento larvário até a fase de alevino na boca.

Tilápia macho e fêmea diferenças

As tilápias que habitam grandes lagos apresentam uma maturação sexual tardia e um maior peso corporal.

Uma das causas do alto índice de sobrevivência dos filhotes é que a tilápia carrega os ovos na boca até sua eclosão, onde nascem uma média de 800 até 1000 peixes.

Tilápia com ovas na boca

A Pesca da Tilápia

Algumas tilápias hibernam em tempos frios, por isso é bom percar em tempos quentes

A melhor época para se pescar esta espécie é na Primavera e Verão(Dezembro à Março) pois estas ficam mais ativas com a água mais quente e algumas espécies costumam hibernar no período do frio.

Os melhores locais para se pescar a Tilápia são represas e pesqueiros.

Represas são ótimos locais para a pesca da Tilápia

Se encontrar um local assim, com um barranco, onde a margem tem umas entradas de água de 2 a 3 metros, é muito provável que você tenha uma ótima pescaria de tilápias.

Local ideal para encontrar Tilápias

Águas calmas, sem corredeiras e com uma vegetação ou aguapés que podem até disfarçar a presença do pescador é o ideal.

A Tilápia é encontrada na maioria das águas brasileiras. Por ser muito conhecido e de fácil criação, muitos pesqueiros também contam com esta espécie maravilhosa

Pescando a Tilápia

Não é muito diferente pescar tilápia em uma represa ou num pesqueiro. O que muda mais são as técnicas usadas para isso.

Com a técnica certa dá para pescar muitas tilápias

As mais tradicionais são as técnicas que usam varas de fibra telescópicas que variam de 3.60 até 5 metros. As linhas são as de 0,30 a 0,40 mm , ou seja, são uma média de 1 a 2 metros maiores do que a vara.

Uma dica é usar barbantes de cor mais chamativa de 30 à 50 cm na ponta da vara pode até substituir as boias.

Podemos contar também com iscas naturais e artificiais além de outras ferramentas que tornarão esta aventura ainda melhor.

Pode ser pescada tanto com iscas naturais quanto artificiais 

Vale lembrar que estes peixes podem chegar a até 6 quilos. Por isso um equipamento resistente faz toda a diferença.

É comum a pesca simples, a com vara de bambu. Porém, corre-se o risco de na hora de pegar o bicho ela não aguentar o peso e se quebrar.

Uma vara básica de pesca já pode dar conta do recado, afinal ninguém quer perder uma beleza dessas.

Não corra o risco de perder um peixão desses, use uma vara boa

Equipamentos para sua pesca

As varas ideais para este tipo de pescaria são as Ultralights e Lights.

Vara Ultra Light

As varas Ultra Light resistem a linhas de até 6lbs (2,6Kgs) e iscas de até 6 gramas. É ideal para a pesca de peixes pequenos.

Já a vara Light, suporta linhas de 6 até 12lbs(2,6 a 5,3Kg) e iscas de 4 até 11 gramas. É ideal para a pesca de peixes maiores do que os peixes da vara anterior, a Ultra Light.

A vara Light é boa para pescar peixes médios, até 5,3kg

As Iscas

As Tilápias são atraídas tanto pelas iscas naturais quanto pelas artificiais.

As iscas naturais podem ser a minhoca, tenebrio, milho verde, capim, erva doce, o bichinho da laranja, tripa de galinha, etc.

Isca de tripas de Galinha
Iscas de minhoca

As larvas também são muito bem vindas para pescar as tilápias.

Larva que serve para isca

A tilápia come de tudo, até os diversos tipos de capim, ervas também atraem este peixe.

Até com capim pode ser pescar a tilápia

As Iscas Artificiais

As iscas artificiais mais usadas são as Plug de Meia Água, Spinner e Torpedo.

Plug de Meia
Água Spinner
Torpedos

 

Os Anzóis

Os anzóis de número 6, 8, 10 ou 12 são os ideais para que se possa pescar a tilápia com tranquilidade

A Técnica de Anteninha

Existe uma técnica para a pesca em pesqueiros denominada “Anteninha”.

Esta é a arte de enganar o peixe, pois coloca-se no anzol (pode ser o anzol um pouco maior) um material que flutua na água (EVA) e neste mesmo anzol, fixa-se uma miçanga que ao ficar submersa, parece uma ração.

Deste modo o peixe de pesqueiro é atraído.

EVA e miçangas que compõe a técnica da Anteninha

Uma vantagem desta técnica é que a anteninha é muito mais resistente ao vento e fica mais fácil perceber o mais leve toque do peixe na isca, pois as tilápias de pesqueiros são manhosas e sem a resistência da bóia, fica mais fácil do peixe puxar.

A montagem da ferramenta: com a vara já esticada, amarra-se o barbante ou até mesmo usa-se super cola na ponteira;

Depois no barbante amarra-se a linha de 1 a 2 metros maior do que a vara. Pode-se colocar o chumbo de correr se preferir, pois ele leva sua isca para a água.

Exemplo de Anteninha já montada

A quantidade de anzóis pode variar, mas o mais usado são 2 a uma distância de 30 centímetros mais ou menos de uma para o outro.

Esquema das Anteninhas na ponteira

A Tilápia na Culinária

A tilápia tem um número baixo de calorias, pouca gordura, rica em proteínas, minerais como o selênio e o fósforo, além de tudo, é muito saborosa.

Ideal para o cardápio de alimentação saudável e receitas mais fitness.

De carne branca e suave, a tilápia é muito versátil e é usada em vários tipos de pratos como estes a seguir:

Ceviche de Tilápia

Neste prato peruano o peixe é cozido no limão e acompanhado com temperos como a cebola roxa e o coentro.

Sashimi de Tilápia

Sashimi de Tilápia com molho Shoyo e limão

Assim como o salmão e robalo, a tilápia também é muito usada na culinária japonesa e já está presente como opção nestes rodízios.

Iscas e Filés de Tilápia

Filé de tilápia empanada

Estes ficam melhor empanados e servidos com molho que goste, fica uma delícia.

Moqueca de Tilápia

Uma moqueca muito bem temperada também é uma sensação na culinária. E no paladar!

Papillote de Tilápia

É simples e gostoso de fazer

Ao embrulhar os filés com azeite no papel alumínio, junto com legumes cozidos na manteiga e levar ao forno você faz um papillote delicioso!

Tilápia Grelhada

Esta é a sugestão de tilápia que não vai pesar na consciência e nem no peso!

É muito gostosa e preferência de muita gente.

Propriedades Nutricionais da Tilápia

Rico em nutrientes que nos deixam mais saudáveis, um filé de tilápia cru de maios ou menos 120 gramas, pode oferecer em média 23 gramas de proteína, 2 gramas de gorduras além de um ácido graxo importantíssimo conhecido , o ômega-3 e o ácido pantotênico.

A tilápia é aliada da saúde

Tudo isso soma-se a vantagem de não ter carboidratos e apenas 112 calorias.

Os Benefícios da Carne da Tilápia

  • Teor elevado de proteínas ajuda no ganho de massa muscular – muito importantes para a saúde de nosso corpo e a formação dos tecidos, as proteínas podem ser quebradas e reorganizadas para metabolizar qualquer tecido corporal que precise ser reconstruído como no caso de uma cicatrização,por exemplo.
  • Amiga do emagrecimento – Como é rico em proteínas e tem baixo índice de gordura, este peixe é muito indicado para quem quer perder peso.
A tilápia ajuda a perder peso
  • Estrutura óssea – O fósforo é um mineral imprescindível na manutenção da saúde de nossos ossos, dentes e unhas. Com o tempo sofremos o natural desgaste ósseo e consumir alimentos ricos em fósforo ajuda muito na prevenção de osteoporose e outras patologias similares.
  • A prevenção do câncer de próstata – Outro mineral muito encontrado neste peixe é o selênio e várias pesquisas apontam que a carência deste faz com que os homens possuam duas vezes mais chances de desenvolver o câncer de próstata.
  • A ajuda no sistema cardíaco – Como é rica em ômega – 3 , a tilápia é muito boa para reduzir o nível do colesterol “ruim” que pode desencadear a hipertensão arterial. Por ser rica em gordura boa,parte da gordura ruim pode ser retirada das paredes dos vasos sanguíneos ajudando a evitar um infarto ou um AVC, por exemplo. Além disso, o potássio também é um aliado no controle da pressão alta já que este possui ação vasodilatora.
A tilápia é boa para prevenir doenças
  • Auxílio para o cérebro – A melhora da memória e concentração atribuída ao ômega-3 pode ajudar na prevenção do Alzheimer e Parkinson. A oxigenação cerebral é estimulada através do potássio, o que ajuda na melhoria da saúde dos tecidos neurais.
  • O cuidado no envelhecimento precoce – o selênio também é um poderoso antioxidante(inibe a deterioração de uma substância ou processo); o que desencadeia uma maior demora no desgaste das células evitando assim que doenças graves possam se espalhar mais rápido comprometendo nossa saúde. A tilápia consegue oferecer cerca de 20% do selênio que precisamos diariamente.
  • Nosso organismo mais resistente – O consumo da tilápia também ajuda a fortalecer nossas funções de imunidade porque aumenta e fortalece as células de defesa. Isto faz com que o tratamento e a cura das patologias sejam mais rápidos. O selênio também ajuda no controle da tireóide, que é a responsável pelo funcionamento eficiente dos hormônios em nosso organismo;ou seja; o metabolismo e o funcionamento dos nossos órgãos são muito ajudados.

Curiosidades sobre a Tilápia

Se aproveita muita coisa da tilápia, até sua pele

Recentemente várias pesquisas dão conta de que a pele da tilápia pode ajudar no tratamento de queimaduras.

Enquanto o tratamento tradicional com pomadas e remédios é mais caro e demora mais, o uso desta pele além de tornar mais barato.

Pele de tilápia no auxilio de queimaduras

A pele pode ficar até 10 dias no ferimento evitando a dolorosa rotina de fazer curativo todos os dias no paciente.

Por ser rica em colágeno, ela tem mais resistência e um adequado de umidade ajudando na cicatrização.

Pele de tilápia na ajuda de queimaduras em animais silvestres, essa é de um filhote de um urso em um incêndio florestal na Califórnia em 2017

O interessante da tilápia é que ela ajuda na formação da pele, unhas, cabelos e outros tecidos do nosso corpo, tudo isso graças as suas proteínas com alto valor biológico.

Tilápias pode ser o futuro da medicina nas queimaduras

A tilápia possui algumas curiosidades interessantes, por exemplo:

De acordo com a Bíblia no livro de Mateus (17:27) o peixe que Pedro pescou, a pedido de Jesus, com a moeda na boca foi uma tilápia.

E que também o milagre de Jesus em que alimentou uma multidão de cinco mil pessoas a partir de cinco pães e dois peixes, em Mateus 14:15-21, também pode ter sido “duas tilápias” pois esta é a espécie mais encontrada no Mar da Galileia, em Israel.

Talvez Jesus tenha multiplicado tilápias

Agora, com todas estas informações, a sua pesca de tilápias fica ainda melhor! Junte seu equipamento e corra para desfrutar deste esporte com ainda mais empenho. Boa pescaria!

Deixo você com esse vídeo com várias tilápias nadando em um aquário

Deixe seu voto 😉
[Total: 1    Média: 5/5]
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •