Tambaqui

O Tambaqui é um peixe espetacular, considerado por muitos um dos peixes mais belos dos rios como pode ver na foto abaixo

É peixe muito bonito para se criar

O Tambaqui, também conhecido como Pacu Vermelho, é o segundo maior peixe de escama do Brasil.

Chega a medir 90 cm e pode pesar até 30 quilos! E tudo isso somado à fama de “peixe brigador” nos desperta a curiosidade sobre este gigante das aguas doces brasileiras.

Características

O nome desse peixe vem do Tupi tamba’ki – que significa “monte de conchas/moluscos”

O tambaqui é da família dos Characidae

Seu nome científico é Colossoma macropomum e ele pertence a família dos Characidae, de peixes com o corpo lateralmente achatado e maxilar inferior proeminente

Corpo em formato de losângo, parcialmente triangular.

Tem a cor castanho na metade de cima e preta na parte de baixo. Porém pode apresentar cores mais claras de acordo com a água em que vive.

Sua boca tem o maxilar projetado para frente(prognata), pequena e forte com dentes arredondados com a borda irregular.

Sua mandíbula é muito forte, é capaz de quebrar cascas de castanhas dos quais se alimenta.

Ele chega a atingir 90 cm e pesar até 30 quilos.

São peixes migratórios, mais encontrados na Bacia Amazônica, mas habitam também outros locais da região Norte, além dos estados do Mato Grosso, Goiás, São Paulo, Minas Gerais e Paraná.

Hábitos do Tambaqui

Tambaqui em um aquário

A espécie é natural da bacia amazônica, o tambaqui costuma ficar em meio a matas inundadas.

É mais ativo quando o clima está quente. No inverno fica mais lento, mas não deixa de buscar comida, porém nas águas mais fundas.

Alimentação do Tambaqui

Tambaqui como quase tudo que cair na água

 Este grande amigo não costuma recusar muita coisa não.

Alimenta-se de  sementes de castanheiras e palmeiras além de plâncton, frutas, insetos aquáticos, caracóis, sementes e grãos de diversos cereais, pequenos peixes, folhas e brotos de plantas aquáticas.

Em pesqueiros as massas com aromas de queijo ou carne assim como as lesmas são logo devoradas. Além desta variedade toda, ele ainda adora comer salsicha.

Seus dentes lembram os dos humanos

Os dentes do tambaqui são chamado de Moliformes por se assemelharem muito com nossos dentes molares.

Porém suas extremidades são mais pontiagudas.

  Veja neste vídeo como o Tambaqui quebra castanhas para se alimentar.

Reprodução

O tambaqui é uma das espécies que fazem a migração reprodutiva ou Piracema.

Na época da desova eles não se alimentam, por isso que anteriormente eles acumulam gordura que vai mantê-los durante a época da reprodução.

Tambaqui macho e fêmea

Ele atinge a sua maturidade sexual quando completa 3 até 4 anos de idade.

A época de sua reprodução acontece entre outubro e março , geralmente.

Sua reprodução é assexuada, ou seja, não existe o acasalamento para a fecundação.

Os gametas machos se juntam com os óvulos da fêmea(ovas) lançados na água. Sendo assim, só uma pequena quantidade de sua cria vinga.

Filhotes de Tambaqui

As Leis Ambientais

Como qualquer peixe no território brasileiro, o tambaqui também é protegido no seu período de defeso, quando é proibida a sua pesca para tornar possível preservar a espécie.

  Este período é entre Novembro e Março. Nesta época de águas mais quentes, ocorre a reprodução.

Você pode verificar o tamanho mínimo permitido para pesca através desta régua clicando aqui.

O tamanho mínimo para poder pescar o tambaqui é de 55 cm

Vale sempre a pena respeitar o período de reprodução para garantir que este maravilhoso peixe não seja extinto.

Garanta o tambaqui de amanhã, não pegue ele na época de reprodução

Vamos à Pesca

Este faz jus a fama. É valente e gosta de uma boa briga! Por isso é preciso usar as técnicas e habilidades necessárias para este enfrentamento. Força no braço também, afinal, as arrancadas que o tambaqui dá não são brincadeira!

Fisgando um tambaqui
É um exercício e tanto!

A Vara Adequada

Essa seria uma vara boa para pescar Tambaqui

  As varas para este tipo de pescaria devem ser reforçadas e fortes porque a fisgada do tambaqui é voraz. O comprimento deve ser de 7’’ a 8’’. Sua resistência deve ser em torno de 40 a 50 libras.

As Linhas

Linhas de multifilamento

Devemos contar com linhas resistentes. São recomendadas as de multifilamentos.

As de multifilamento com resistência de 35 até 40 libras e espessura de 0,40 e 0,50 mm são as ideais. Isto porque devemos lembrar que este peixe é pesado.

Não vamos perder o bicho por causa de uma linha que arrebenta, não é mesmo?

É preciso ter a mão no mínimo 100 metros de linha 0,40mm ou 0,50mm para garantir um bom desempenho.

As Iscas Naturais

Iscas de figado de frango

Apesar de ser um peixe que come quase de tudo, ele pode ser ao mesmo tempo bem seletivo na hora de pegar a isca.

Uma boa qualidade dos alimentos como fígado de frango, salsicha, massas mafish são mais atraentes para o tambaqui.

Massa mafish
Isca de salsicha

Iscas Artificiais

As iscas artificiais também ajudam na hora atiçar e atrair o tambaqui:

A isca artificial também é bem útil

Os Anzóis

Anzol Maruseigo

Os mais recomendados são os modelos Maruseigo e Octopus. As miçangas também podem ajudar a atrair o animal.

Isca Octopus

A Estratégia

É preciso silêncio e paciência. Por se assustar facilmente, o tambaqui costuma ser desafio na hora de ser fisgado.

Escolha o local mais adequado e mantenha a calma e o silêncio.

Tem que ter cautela para pescar o tambaqui

 

Lembre-se que é do hábito do tambaqui pegar sementes que caem e boiam na água, então simular um som parecido com isso ajuda na captura.

Tambaquis sendo alimentados

Curiosidades

Não se sabe se é história de pescador, mas contam os ribeirinhos que um pescador da cidade de Maraã, Manaus, pescou um tambaqui de 44 quilos no Ati Paraná, um afluente do Rio Solimões que vai desaguar no Rio Japurá.

O peixe media 1,14 metros e chegou a ser catalogado como o maior do mundo.    

Foi no Brasil que saiu o maior Tambaqui do mundo

Este teria sido doado ao INPA ( Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia) onde foi estudado e mantido em formol para visitação pública.

Antigamente era comum pescar tambaquis com até 45 quilos e 110 cm de comprimento total. Porém devido a sobre-pesca já não é mais possível esta artimanha.

É considerado um peixe remosso ou seja, rico em gordura e óleo.

Mesmo com gordura e óleo ele é ótimo para refeições

Algumas pessoas confundem remosso com reimosso. Este último é um termo aplicado aos maiores peixes que ocupam o topo da cadeia alimentar, o que não é o caso do Tambaqui.

  Quando pequeno também é chamado de roelo.

Valor Nutricional do Tambaqui

Dentre as espécies mais conhecidas na região da Amazônia, o Tambaqui é o que tem a maior quantidade de proteínas. Todos os peixes são ricos em nutrientes, mas o mais gordurosos ou oleosos, têm mais Vitamina A e D.

São ricos em gordura e óleo

Em 100 gramas de tambaqui tem cerca de 105 kcal, 0 carboidrato, 2,75 gramas de gordura; sendo que de gordura saturada tem 0,926g , gordura monoinsaturada tem 0,718g, gordura poliinsaturada 0,451g(as gorduras insaturadas são as chamadas “gordura do bem”, pois fazem bem ao organismo); esta quantia de carne ainda oferece 66 mg de colesterol, 79 mg de sódio e 423 mg de potássio.

O tambaqui tem um alto valor nutricional

  Em suma, 100 gramas de Tambaqui oferece cerca de 25% de gordura, 0% de carboidratos e 75% de proteínas.

O Tambaqui na Culinária

Muito apreciado na região amazônica, o tambaqui é muito versátil na hora de seu preparo.

Seja em moquecas ou assado na brasa com uma gostosa farinha e pimenta com tucupi; o prato servido com este peixe é sucesso garantido!

  Veja algumas receitas que vão lhe deixar salivando de vontade de experimentar estas delícias:

Com esta caldeirada não tem como não fazer sucesso!

   Caldeirada de Tambaqui

Este aqui assado e ainda por cima recheado, é uma ótima pedida!

Tambaqui Assado e Recheado

Uma costelinha assim…dá vontade de correr para soborear!

Costela de Tambaqui

     E então? Pronto para esta grande aventura?!

Pois deu para perceber que ele dá um trabalho para puxar, mas imagina a beleza de puxar um bicho desses para os seus pés?

Só de falar já vontade de ir para o barco e ir atrás de um, quem sabe o próximo recorde de maior Tambaqui não seja meu?

Deixe seu voto 😉
[Total: 1    Média: 5/5]
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta