Efeitos causados pela pandemia do novo Coronavírus ao oceano

O ano de 2020 desafiou o mundo com uma pandemia generalizada, a COVID-19 afetou quase todos os aspectos da vida tal como a conhecíamos.
Mesmo o oceano, a força mais poderosa do mundo, não é imune aos seus efeitos.
A quantidade de poluição plástica marinha, 13 milhões de toneladas das quais já entravam no Oceano todos os anos, certamente cresceu com a adição de equipamentos de proteção individual mal dispostos, como
máscaras e luvas de uso único.

A máscara foi mais um item descartado no oceano


As pessoas usam cerca de 129 bilhões de máscaras e 65 bilhões de luvas todos os meses.

Veja também: Faça uma reflexão do que o Covid-19 representou

Um relatório prevê que 1.56 bilhões de máscaras poderão acabar no oceano este ano.
Os revés do estado e da cidade sobre a proibição de artigos de plástico como sacos e utensílios devido à preocupação de espalhar o vírus através de opções reutilizáveis também poderiam contribuir.

O influxo de mais plásticos descartados no mar não só representa uma ameaça para a saúde humana, como também aumenta o risco de ferimentos ou morte a cerca de 600 espécies selvagens que podem consumir detritos que se confundem com alimentos.

Ensinamentos deixados pelo Covid-19

Em uma nota mais brilhante, os primeiros dias da pandemia proporcionaram uma oportunidade rara de estudar um habitat subaquático mais silencioso resultante da redução do comércio mundial.

Pesquisadores examinaram o som subaquático em tempo real perto do Porto de Vancouver e encontraram uma redução consistente no som de baixa frequência atribuído ao tráfego de navios de Janeiro a abril, quando as importações e exportações caíram 20%.

Os golfinhos deram show nos canais de Veneza

Este estudo e outros estão fornecendo provas muito esperadas sobre o efeito que a poluição sonora tem na vida marinha.

O meio ambiente também foi beneficiado por meio das medidas adotadas para conter o novo Coronavírus.

A natureza conseguiu se recuperar no período de quarentena mundial, imagens mostraram mares, rios e canais limpos com visitas ilustres como, peixes e tartarugas nos canais de Veneza na Itália.

A pandemia ainda não acabou, mas ficou diversos ensinamentos para a sociedade, um deles foi o quanto os seres humanos são prejudiciais à saúde do meio ambiente.

Infelizmente máscaras e luvas foram parar nos oceanos, o período de isolamento permitiu o oceano e todo meio ambiente respirar.

Os níveis de poluição reduziram com as paradas das indústrias e o confinamento, mas ainda não foi o suficiente.

Que tenhamos a consciência que precisamos cuidar do meio ambiente e principalmente do oceano, pois muitos pais de família tiram o sustento do mar.

Deixe seu voto 😉
[Total: 0    Média: 0/5]

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •