Candiru

Um dos peixes mais temidos da região Amazônica e de qualquer rio que se tenha notícia, o Candiru não é nenhum monstro enorme ou um peixe aterrorizante. É até um peixinho bem simpático. 

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (33).jpg

Porém a característica que mais amedronta as pessoas, é a capacidade se seguir odores fortes como a urina, por exemplo e entrar no organismo e se alojar ali, se alimentando de tecido e sangue. É um parasita, costuma se alojar nas guelras de outros peixes.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (2).jpg

Mas existe um outro Candiru que é pescado de maneira mais comum, que é um pouco maior e é o Candiru-Açu. Este tem o mesmo nome, mas é de outra espécie.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (18).jpg

Ambos são da ordem dos Suliformes, porém trazem características distintas.

O Candiru “simples”, é muito pequeno, é um peixinho parasita, já o Candiru-Açú é maior e proporciona, aí sim, uma bela pescaria.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (25).jpg
O Candiru-Açú também é conhecido como Candiru,simplesmente. Mas são de espécies diferentes.

Origem do Nome

Palavra de origem Tupi Guarani kandirú, que significa folha de abelha.

Também conhecido como Canero, Peixe-Vampiro, Candiru do Araguaia.

O seu nome científico é Vandellia cirrhosa(Candiru)/Catopsis caecutiens(Candiru-Açú), da Família dos Trichomycteridae, da ordem dos Suliformes.

Saiba agora os cuidados que você deve ter com o Bagre

Suas Principais Características

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (15).jpg

Peixe de água doce e com um corpo muito liso e escorregadio, o Candiru possui uma cor azulada, bastante clara e tem olhos pequenos.

Possui espinhos ao redor da cabeça.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (28).jpg
Candiru-Açú(Cetopsis caecutieni)

Pode-se dizer que lembra uma enguia e é difícil enxergá-lo na água.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (17).jpg
Candirus(Vandellia cirrhosa)

Mede de 2,5 cm até 18 cm e tem uma média de 6 mm de largura.

Alguns exemplares podem atingir 40 centímetros de comprimento.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (52).jpg
Pequenos dentes serrilhados

Possui séries de pequenos dentes serrilhados.

É praticamente cego, mas o olfato é muito desenvolvido. Possui um dos maiores órgãos olfativos entre todos os bagres do mundo.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (5).jpg
Praticamente cego, mas seu olfato é desenvolvidíssimo

Assista abaixo pequenos Candirus-Açú nadando em um aquário. 

Onde Podemos Encontrar

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\map-min.jpg

É encontrado com facilidade nas Bacias Amazônica, São Francisco, Prata e na do Leste.

Principalmente no rio Madeira e Solimões os Candirus são presença constante.

Hábitos do Candiru

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (44).jpg

Costuma ficar em tocas, no fundo dos rios, em meio a lamas e superfícies arenosas.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (48).jpg

Sua Alimentação

É onívoro, carnívoro e hematófago (se alimenta de sangue de outras espécies).

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (51).jpg
Um pequeno Candiru nas guelras de um peixe. Ali ele permanecerá, se alimentando do sangue e tecidos do hospedeiro.

É o responsável pela limpeza de rios e lagos, uma vez que se alimenta também de restos de matéria orgânica ou de peixes mortos.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (58).jpg

Ele devora a presa de forma curiosa: encontra um orifício, entra e se alimenta da carne de dentro para fora.

Apesar do tamanho, é muito voraz na hora do ataque.

Acompanhe aqui imagens de um grupo de Candirus sendo alimentado em um aquário.

Reprodução e Acasalamento

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (30).jpg

A reprodução do Candiru ainda é tida como misteriosa; pois não existe nenhum estudo registrado sobre isso.

Consegue imaginar como seria?

Vamos à Pesca!

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (12).jpg

O Candiru é muito pescado para ser usado principalmente como isca para pescas maiores.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (31).jpg

Para esta pescaria do Candiru, pode-se fazer uso de uma vara de resistência leve, com linhas de monofilamentos e anzóis de médios à pequenos.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (59).jpg

A isca pode ser minhocuçus, fígado de galinha, qualquer peixe ou animal que tenha um cheiro mais forte.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (46).jpg

Acompanhe neste vídeo a pescaria de vários peixes inclusive, de um Candiru Açu que deixou os pescadores bastante intrigados e na hora, não sabiam qual peixe era aquele.

O uso de chumbadas é interessante pois a isca deve permanecer no fundo.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (26).jpg

Observe como são vorazes oa Candirus neste vídeo, aonde o pescador diz em inglês que não é com as piranhas que devemos nos preocupar durante a pescaria, mas com os “blue catfishes”, como são chamados os Candirus neste idioma.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (55).jpg

Propriedades Nutricionais e Culinária

O Candiru não é um peixe que se tem o hábito de comer devido aos hábitos alimentares deste. Como tem por costume o consumo de detritos e restos de animais, ele não é agradável ao paladar e também pode trazer uma digestão muito pesada.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (32).jpg
Mais usado como isca mesmo

O ideal mesmo é pescar para que seja usado como isca ou apenas em modo esportivo; soltando logo em seguida.

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (39).jpg

Curiosidades

  • É um dos ancestrais dos bagres mais antigos do mundo;
  • Chega a nadar em grandes profundidades de até 100 metros;
  • Possui nadadeira que tem um formato que lembra um guarda chuva. Quando ele entra no corpo de algum animal, abre essas nadadeiras que possuem espinhos na ponta e se fixam ali;
  • Apesar de famoso pelos ataques em que segue a urina das pessoas adentrando seus corpos através da uretra, vagina, ânus ou pênis e de só ser extraído através de cirurgia; estes ataques já não são mais tão comuns devido às campanhas de prevenção a estes ataques onde se orienta que não se deve urinar nos rios, sempre nadar com roupas de baixo e evitar nadar próximo a restos de animais ou peixes.
G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (1).jpg
Campanhas previnem ataques do Candiru

Uma pescaria bem diferente, não é mesmo? 

Porém, como diria aquele pescador apaixonado: toda pesca é melhor do que nenhuma, ainda mais com um peixe tão misterioso, nem o comemos, nem sabemos como se reproduz.

E aí? Pronto para aventura?

G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (4).jpg
G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (3).jpg
G:\Nova pasta (2)\Peixes\-Candirú\excluir\Candirú (14).jpg
Deixe seu voto 😉
[Total: 3    Média: 5/5]
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Ei Vc, entre no Grupo do Telegram e veja as novidades da pescaAperte Aqui